Arquivo | Cover RSS feed for this section

Cover Me – Vol. V

26 out

Weezer – Unbreak My Heart (Toni Braxton cover)

Você pode gostar de rock, pop, hip-hop ou o que for, agora você já ouviu “Unbreak My Heart”, uma canção tocada milhões de vezes em rádios, filmes e casamentos, que por si só deve espantar muita banda de rock. Menos o Weezer.  Tirado do novo álbum de raridades dos caras, o Death To False Metal, a música ganha aqui todo aquele ar power-pop que conhecemos da banda, e embora não tenha nenhuma grande surpresa, a faixa não chega a ser tão ruim quanto aparenta ser. Adicione a sinceridade sem ironia do vocal do Rivers Cuomo (que realmente adora a original e adorou sua versão), e está aí um cover que merece ser ouvido pelo menos uma vez.

♫ Weezer – Unbreak My Heart (Toni Braxton cover)

.

Cocknbullkid – Shampain (Marina & the Diamonds Cover)

Depois de apresentar a querida Cocknbullkid nesse post, nunca mais falei dela, que até lançou um single novo mas nem me agradou muito. Mas aqui está ela novamente, com um cover bonitinho de Shampain, produzido e tudo mais, com novos efeitos, uma guitarrinha, um baixo e uma percussão agitada. O ar elétrico de Marina é susbtituído por um mais calmo aqui, nesse que não é o melhor cover que você já ouviu na vida, mas pelo menos é o melhor que já ouvi da Marina & The Diamonds.

♫ Cocknbullkid – Shampain (Marina & the Diamonds Cover)

.

Friendy Fires – Strangelove (Depeche Mode Cover)

Eu quero e MUITO um CD novo do Friendly Fires, e enquanto já até tivemos uma música nova esse ano com o Azari & III, nada de notícias do novo disco. Enquanto aguardamos o mesmo, ouçam aqui um cover de “Strangelove” do Depeche Mode, gravado em estúdio pelos caras para uma propaganda da Gucci. Recriar a música seria algo fácil, mas os caras aqui dão uma nova interpretação à ela, e embora não seja a coisa mais feita para as pistas que a banda já fez, deve agradar a quem curte tanto o Friendly Fires quanto a banda original.

♫ Friendy Fires – Strangelove (Depeche Mode Cover)

.

Cover Me – Vol. IV

18 out

Os meus remixes e covers favoritos são geralmente aqueles que se arriscam mais, que tentam de alguma forma mudar a perspectiva que temos sobre a original, e mesmo não conseguindo superá-las, consegue agregar um novo valor à mesma. São exatamente por esses motivos que estão aqui abaixo 3 covers que vão entrar como alguns dos meus favoritos do ano, e digo logo que o que têm de curtos (o maior tem 2:40), têm de criativos.

.

Rockapella – A-Punk (Vampire Weekend Cover)

“A-Punk”, uma das minhas músicas favoritas de uma das melhores bandas a sair nos últimos anos, ganha aqui uma nova roupagem. Se a original já tinha um quê de batidas africanas, este cover é praticamente um passeio à selva do Rei Leão. Se você reparar, pode ouvir até uns pedaços da trilha sonora do filme cantados ao fundo da música, que não tem a velocidade e o agito da original, mas mantém o ritmo sem deixar tudo lento demais. É um cover divertidíssimo, com um baixo delicioso, que vai fazer você lembrar o quanto ama essa faixa.

♫ Rockapella – A-Punk (Vampire Weekend Cover)

.

Telephoned – O.N.E. (Yeasayer Cover)

O Telephoned é esse duo que você acima,que na verdade estavam ano passado abrindo simplesmente para o Chromeo. Aqui, eles pegaram um dos hinos indies do ano, “O.N.E”, com toda a sua aura de balada anos 80, que ganha aqui os vocais do grupo e batidas menos dançantes, mas não menos atrativas. Em uma versão mais relaxada e mais soul, a música que só fica no refrão só peca por ser curta demais, mas prometo que cada segundo valerá a pena. Nada comparável com a original, é claro, mas é uma boa música para sua playlist de verão enquanto toma um drink refrescante.

♫ Telephoned – O.N.E. (Yeasayer Cover)

.

Jump Clubb – Futile Devices (Sufjan Stevens Cover)

Mas… já? Sim, postamos alguns dias atrás essa faixa do “Age of Adz” um dos grandes lançamentos do ano e já temos um cover pra ela. Se na verdade tinhamos a música como a única que lembrava o passada de Sufjan e sem toda a produção louca que está por todo o disco, nesse cover a história muda. Com sintetizadores, batidas fortes e palminhas, a música ganha um novo ar, com o vocal lo-fi do Jump Clubb, que acompanha a estrutura da música igual a original, até ao soltar o belo refrão só no finalzinho. Esse é daqueles covers que conseguem competir de peito a peito com a original.

♫ Jump Clubb – Futile Devices (Sufjan Stevens Cover)

.

Cover Me – Vol. III

13 out

Shakira – Islands (The XX Cover)

Postamos uma versão ao vivo desse cover a um tempinho atrás, mas acaba de sair essa faixa completa e em su versão de estúdio, que saiu como faixa bônus do novo CD da Shakira (sim, aquele de “Loca”), Sale El Sol. Sem muitas surpresas, o cover mantém as guitarras e o baixo da versão original, mas aumentando as batidas, conseguindo com muito pouco transformar a música na cara da Shakira. Pessoalmente eu gostei do cover, e acho que vai ajudar a levar o The XX para gente que nunca imaginou que fosse ouvir a banda.

♫ Shakira – Islands (The XX Cover)

.

Pixie Lott – Forget You (Cee-Lo Green Cover)

Bem, axo que já ouvi uns 5 covers de “Fuck You”, mas esse é o primeiro que ouço em sua versão censurada, “Forget You”. É claro que isso é o que se poderia esperar de Pixie Lott, sensação teen-britânica que fez alguns hits por lá, mas que aqui resolver mexer na já-clássica música de Cee-Lo. Com um ar mais acústico, a garota até soa entusiasmada cantando o refrão, mas como disse, a música é pra ser cantada em sua forma original, seja no seu iPod, em casamentos ou em festas de igreja. Não faça mais isso, Pixie!

♫ Pixie Lott – Forget You (Cee-Lo Green Cover)

.

Silver Swans – Anyone’s Ghost (The National Cover)

Incrivelmente, não estamos vendo muitos covers do High Violet por aí, a nova obra prima do The National. Mas é claro, se for mexer pra ficar ruim, melhor deixar quieto. Felizmente, não é o que acontece com o duo Silver Swans de São Francisco. De certa forma, “Anyone’s Ghost”, que já era uma triste canção de rock com delicadas sinfonias, fica ainda mais sombria aqui, onde o duo coloca poucas batidas, mas que vão ganhando forma aos poucos, chegando a ser bizarramente sensuais no final.

♫ Silver Swans – Anyone’s Ghost (The National Cover)

.

Ou Est Le Swimming Pool – Dance The Way I Feel

6 out

Vou começar este post de uma maneira diferente. Quando conheci o Ou Est Le Swimming Pool, foi com a incrível “Dance The Way I Feel”, e já com a certeza de ser um hit certeiro nas pistas e tudo mais. Procurei saber mais sobre esse trio inglês e fui surpreendido com a notícia de que o seu vocalista Charles Haddon teria cometido suicídio durante um festival na Bélgica. Notícias assim, na verdade, sempre me chocam. O grupo estava prestes a lançar o seu primeiro disco, entitulado The Golden Age quando todo mundo recebeu a notícia da morte. A banda estava em turnê com a La Roux, que ficou chocada com tudo o que aconteceu e ofereceu alguns de seus shows em homenagem aos integrantes do grupo. O Frankmusik, da certeira “Confusion Girl”, chegou até a fazer um cover completamente emocionado e triste do hit que citei acima.

Uma pena, pois o trio fazia um synthpop delicioso, e não tem como parar de ouvir o recém vazado The Golden Age. Certamente teriam uma carreira promissora, e muito trágico que tudo tenha acabado assim. Triste conhecer uma banda, baixar o disco e saber que não poderá de forma alguma ver seu show em sua formação original. Ouça o hit do grupo logo abaixo, e logo após escute também o belo cover do Frankmusik pra faixa.

♫ Ou Est Le Swimming Pool – Dance The Way I Feel

+[BONUS] Frankmusik – Dance The Way I Feel (Cover)

Cover Me – Vol. II

5 out

Katy Perry – Electric Feel (MGMT Cover) (Blood Bats Bootleg)

Esse cover da Katy Perry já saiu tem um tempinho, mas o Blood Bats fez uma coisa diferente aqui: pegou a voz de Katy, colocou sobre o ritmo da versão original e ainda mudou alguns detalhes mínimos na música. Os arranjos da versão acústica da cantora se misturam perfeitamente com as batidas da original, transformando o cover em praticamente um novo take do hit do MGMT. Coloque a faixa como “bonus track” do Teenage Dream e tenha a melhor música da Katy Perry.

♫ Katy Perry – Electric Feel (MGMT Cover) (Blood Bats Bootleg)

.

Clare Burson – We Used to Wait (Arcade Fire Cover)

Já postamos um cover do The Drums para uma das melhores músicas do The Suburbs, mas cá entre nós, ficou tudo bem previsívil. Não que este cover aqui da Clare Burson seja melhor que o original (nenhum jamais será), mas que ele é mais ousado isso não podemos negar. O cover arrisca numa versão mais country da música, e tem a até então desconhecida cantora usando sua bela voz para fazer as mesmas harmonias vocais que Win e sua trupe. Vale a pena ouvir.

♫ Clare Burson – We Used to Wait (Arcade Fire Cover)

.

Little Girls – 10 Mile Stereo (Beach House Cover)

A banda de post-rock Little Girls fez o esperado aqui, um versão post-rock de uma das mais belas músicas do Teen Dream, vale ressaltar, um dos meus discos favoritos do ano. Se não conhece a banda, imagine toda a bagunça do No Age, mas com uma veia mais melódica. De qualquer forma, o cover obviamente chega como uma das mais pops do grupo, mas que não deixa de adicionar algumas cicatrizes à doce música do Beach House.

♫ Little Girls – 10 Mile Stereo (Beach House Cover)

.

Chiddy Bang – Don’t Worry Be Happy (Bobby McFerrin Cover)

Não sei se é só eu, mas a lembrança que tenho desta música é daqueles peixes americanos de brinquedo que se desdobram e começam a assoviar a música. Se você conseguiu identificar a canção que estou falando agora, vai ficar surpreso com o que Chiddy fez aqui. Na verdade, nada surpreendente. Samples de música famosa mais os raps de Chiddy, até aí ok, mas o fato mais curioso foi saber que a música foi inteiramente feita ao vivo, após alguns leitores terem dado alguns tópicos pro rapper falar sobre, misturando tudo num freestyle animal. Se quiser, pode conferir o vídeo todo aqui.

♫ Chiddy Bang – Don’t Worry Be Happy (Bobby McFerrin Cover)

.

Kylie Minogue – Wonderful Life (Hurts Cover)

A canção mais bonita de suicído acaba ganhar um cover de Kylie. Após ter uma de suas próprias músicas regravadas pelo Hurts, a cantora resolveu retribuir o gesto gravando o maior hit do duo. O resultado é o esperado, a canção ganha arranjos mais acústicos e fica simplesmente maravilhosa com o vocal da Kylie, e nos deixa na vontade de ouvir uma versão mais completa produzida pela moça.

♫ Kylie – Wonderful Life (Hurts Cover)

.

Panic! At The Disco – Skid Row (Little Shop of Horrors Cover)

10 set

Que o Panic! At The Disco sempre teve uma veia teatral ninguém pode negar, e com a chegada do segundo disco, embora excelente, essa excentricidade da banda foi um tanto quanto perdida. Problema nenhum. Com a saída de dois integrantes e a volta do ponto de exclamação, a banda está preparando o terceiro disco, e o primeiro aperitivo acaba de chegar. Mais ou menos, na verdade. Os membros da banda Brendon Urie (vocal) e Dallon Weekes (baixo) se apresentam nesse cover de Skid Row, do musical dos anos 80 Little Shop of Horrors. A canção foi misteriosamente postada nesse site, sem muitas informações, e tem Urie com os vocais de Audrey, o protagonista, enquanto Weekes fica com a voz do personagem secundário. Eu nunca ouvi a original, mas de acordo com a SPIN, a música “é fiel à original, adicionando guitarras elétricas e sintetizadores extras”. Ouça a música logo abaixo e fiquem ligados, que qualquer novidade postaremos aqui!

♫ Panic! At The Disco – Skid Row (Little Shop of Horrors Cover)

[Via]

Arcade Fire – We Used To Wait

30 ago

The Drums – We Used To Wait (Arcade Fire Cover)

Uma das bandas mais hypadas de 2009 resolveu incluir nos seus shows o cover de uma das músicas mais legais do ano. Falo de nada mais, nada menos do que We Used To Wait, do recém-lançado The Suburbs, terceiro disco do Arcade Fire. A faixa ganhou uma pegada bem menos séria que a original, e chega a lembrar o surf-music misturado com indie rock do debut do The Drums. Divertido e interessante. Ouça e baixe a faixa em alta qualidade logo abaixo.

♫ The Drums – We Used To Wait (Arcade Fire Cover)

.

Arcade Fire – We Used To Wait (Video)

Que o Arcade Fire sempre procura algo pra supreender aos seus fãs isso o mundo inteiro já sabe. Seja, com sua qualidade sonora, seja com lançamento de filmes, shows secretos ou até mesmo transmitidos pelo YouTube. Agora eles aparecem com um vídeo completamente interativo. Pra ser mais exato, uma experiência. Não é algo apenas para ser visto e sim, experimentado.

Eles já fizeram isso com Neon Bible da vez passada, mas aqui a idéia foi mais ousada.  O projeto, chamado The Wilderness Downtown, funciona assim: entrando neste site ele vai te pedir o endereço de onde voce nasceu/foi criado, e a partir disso, se inicia uma viagem incrível pela sua própria infância, com cenas recriadas da sua rua, com o auxílio do Google Street View. Assim como fala na música. É claro que o recurso é um pouco mais limitado para nós brasileiros, pois algumas cidades vão funcionar melhores que as outras, mas indico tentar, e se não conseguir, coloque alguma cidade que conheça, só pra você sentir como é. As reações são as mais diferentes. Você pode ver o making-of clicando aqui e descobrir como tudo isso foi feito. O site recomenda que você use o Google Chrome para assistir, mas o Safari funciona bem também, se você estiver no Mac. Experimente!

♫ Arcade Fire – The Wilderness Downtown (Video Interativo)

[Via]

The Pretty Reckless – Islands (The XX) Vs. Love The Way You Lie (Rihanna)

26 ago

A imagem acima não é do novo remake da Família Adams estrelando a Gossip Girl Jenny Humphrey, também conhecida fora do set como Taylor Momsen. Na verdade, a atriz tem uma banda, The Pretty Reckless, e como estão lançando um disco esse mês, resolveram parar na Radio 1 e fazer um cover mistureba do hit indie Islands, do The XX, e do hit do momento, Love The Way You Lie. A primeira impressão é a voz da atriz (já posso chama de cantora agora?), que parece bem adulta pra merecer  ser chamada de Little Jenny, e soa como se a menina tivesse fumado 10 maços de cigarro e tido a adolescência lá na década de 70. Resultado: um cover de rock alternativo criativo e surpreendente, que vai me fazer dar uma chance ao debut da, agora sim, cantora.

A Islands, do The XX, também já foi regravada pela Shakira. Se perdeu o post, cliquei aqui para ouvir.

♫ The Pretty Reckless – Islands (The XX) Vs. Love The Way You Lie (Rihanna)

[Via]

Theophilus London – Calypso Blues (Feat. The Dap Kings)

3 ago

Theophilus London está em todas. Primeiro lançou uma mixtape incrível no ano, vai aparecer no novo álbum do Mark Ronson e também no do Maximum Baloon. Como se não fosse o bastante, a cara ainda se deu o trabalho de regravar essa enegética canção do Nat King Cole, com a produção por conta da banda que tocou todas as músicas do Back In Black para Amy Winehouse, tanto nos shows quanto no estúdio, os The Dap Kings. Com o tempero vintage na mistura, adicione batidas tribais e um vocal inédito para o rapper, que aposta como cantor aqui, e acaba provando que é tão afiado quanto nos raps. Só estou no aguardo agora de um álbum completo, e nesse ano ainda, por favor.

♫ Theophilus London – Calypso Blues (Feat. The Dap Kings)

La Roux – Under My Thumb

28 jul

Postei aqui semana passada a nova música da La Roux, Under My Thumb, o cover do The Rolling Stones, e hoje me vem a surpresa. Achei até curta demais, com menos de dois minutos, até que hoje a música saiu oficialmente no iTunes, e embora não tenha nenhuma variação muito grande, ela se extende por 3:30 minutos. Embora a qualidade esteja bem melhor agora, continuo com a mesma opinião que postei aqui, e ainda prefiro a segunda música que saiu da La Roux, com o DJ Skream, Finally, que você pode conferir no post também.

La Roux – Under My Thumb (The Rolling Stones Cover)